News
HOME > News > News
25 JUL2016
Centro de peças da Chery está a todo vapor

Desde o final de maio, o Centro de Distribuição de Peças de Reposição da Chery Brasil também está localizado em Jacareí (SP), a quatro quilômetros da fábrica da montadora no Brasil. O antigo Armazém de Peças foi transferido de Salto (SP) para o Vale do Paraíba por fatores logísticos e operacionais, sempre visando a melhoria contínua do atendimento pós-venda da Chery, para oferecer um suporte de qualidade aos consumidores da marca.

O novo espaço conta com uma área de cinco mil m², com capacidade para armazenar mais de 13 mil códigos de peças diferentes. Apesar da mudança, "a Chery manterá o percentual de 97% de peças prontamente disponíveis em estoque para atender a sua rede de concessionárias e oficinas credenciadas, além de seguir respeitando os prazos de entrega de até 48 horas úteis após o faturamento para qualquer região do país e de 24 horas após a emissão da nota fiscal para casos urgentes", garante Altair Melo, gerente de Peças da Chery Brasil.

Por fim, entre as vantagens da transferência do espaço para as proximidades da unidade fabril da Chery estão reduções significativas de custos operacionais e, principalmente, o aumento da sinergia entre as equipes do armazém de peças com áreas vitais da companhia, como os times de TI, Logística e Pós-Venda, que proporcionará um atendimento ainda melhor aos seus consumidores.

Sobre a Chery

A Chery Brasil consolidou-se como a primeira fabricante chinesa de automóveis a se instalar industrialmente no país, com investimento de US$ 530 milhões. O aporte contempla uma fábrica de veículos de passeio e outra de motores, ambas localizadas no Vale do Paraíba, na cidade de Jacareí (SP). A empresa também detém o título de pioneira ao lançar o primeiro automóvel chinês com transmissão automática, o Tiggo. Atualmente, ainda são comercializados a versão manual do mesmo modelo, além do QQ e Celer.